Explosão solar

O Universo se manifesta a cada momento, a vida se expande pelas galáxias, mas na diuturnidade das horas, abençoou minha mente e mãos.

Criando expressivas telas solares cada uma com sua pigmentação carregadas de formas redondas, floridas, figurativas, expressando um bailado rítmico de múltiplas formas para o deleite dos que apreciarem na explosão solar o caminho infinito das expressões artísticas e estéticas d’alma humana, interagindo com a criação divina.




(É expressamente proibida a reprodução parcial ou integral de qualquer uma das imagens) 


Martha André

A Arte sempre teve um lugar especial na minha vida. Quando eu era jovem era frequentadora assídua da Galeria de Arte Celina Bracher. No ano de 1995, então, aos 53 anos de idade, decidi me dedicar à arte. Nesse ano, eu já estava aposentada do serviço público e segui esse caminho como um impulso de vida. Tive, então, a oportunidade me dedicar desde às artes plásticas, pintando telas e fazendo escultura. No ano de 2009, aluguei uma loja comercial na Galeria Constança Valadares para expor e comercializar minhas obras e dar oportunidade a outros artistas apresentarem as suas.