O turismo na Itália e a pandemia da COVID-19


O ano de 2020 seria marcado por grandes celebrações na Itália. Neste ano, haveria grandes eventos, como por exemplo, as comemorações em lembrança aos 500 anos da morte de um dos maiores mestres renascentistas do país, Rafaello Sanzio. Mas, logo no início das comemorações, o mundo recebeu a triste notícia da existência de um novo vírus, COVID-19, cuja contaminação acontece rapidamente através do simples contato entre as pessoas. Muitos não acreditaram, outros muitos se assustaram, mas o fato é que, passados dois meses, o mundo já perdeu dezenas de milhões de vidas, contabilizadas a cada minuto e mais de 30.000 são italianas.

O dia 09 de março de 2020 ficará marcado tanto para a história do país, como para o turismo, que no ano anterior recebeu cerca de 432 milhões de visitantes. Muitas cidades na Itália, sejam pequenas e mais afastadas, ou até mesmo as mais conhecidas, tem como base econômica o turismo. A Federação Italiana do Turismo estima, em dado divulgado no início do isolamento social, que a Itália encerrará o ano com aproximadamente 172 milhões de visitantes, o que representa uma queda de 60% em relação a 2019. Além das fronteiras, museus, casas noturnas, eventos culturais e esportivos, também foram suspensos até segunda ordem, bem como casamentos e funerais.

A Itália é um dos países que mais sofrem com o chamado turismo de massa, ou overtourism, que em resumo se trata de uma grande quantidade de pessoas visitando um lugar, ao mesmo tempo. Essa prática pode gerar grandes números na economia, mas também pode ser uma vilã a longo prazo. Podemos tirar como modelo, por exemplo, a cidade de Veneza, capital da região do Vêneto. A cidade recebia, antes da pandemia, cerca de 100 mil visitantes por dia em seu centro histórico, (que possui, aproximadamente, apenas 50 mil habitantes), muitos deles através de cruzeiros que ancoram anualmente em sua baía. A cidade que tem a maioria de seus prédios com o máximo de 20 metros de altura abriga, durante o verão, navios de mais de 70 metros invadindo a paisagem veneziana. Porém, ainda sim, é importante entender que o turismo movimenta o PIB do país e principalmente de Veneza, o que leva aos dois lados da moeda, seu lado positivo e altamente rentável, e seu lado depredador.

A pergunta que fica no ar é, como será o turismo na Itália pós-pandemia? Será que criaremos um novo modelo, mais sustentável, consciente e imersivo? O governo italiano vem lançando, desde o mês de abril, algumas respostas à estas perguntas. Anunciou, por exemplo, que irá promover o turismo interno, principalmente nas regiões mais atingidas pela Covid-19. Porém, sabemos que não cabe somente ao governo amenizar esses danos, de agora e de anos atrás. Cabe a nós, turistas, ter a consciência de que precisamos cuidar do nosso planeta e entender que aquele lugar que estamos visitando faz parte de um todo. Para o turismo pós-pandemia, que o lema seja preservar agora para desfrutar no futuro!


Fontes:

Revista Viagens e Turismo: Disponível em: https://viagemeturismo.abril.com.br/materias/coronavirus-turismo-na-italia-pode-regredir-meio-seculo. Acesso em 12 de maio de 2020.

Revista Negócios: Disponível em: https://epocanegocios.globo.com/Mundo/noticia/2020/04/italia-fara-acao-para-promover-turismo-interno-pos-pandemia.html. Acesso em 12 de maio de 2020.

DW Brasil: Disponível em: https://www.dw.com/pt-br/a-vida-sob-quarentena-na-it%C3%A1lia/a-52697833. Acesso em 11 de maio de 2020.

Catraca Livre: Disponível em: https://catracalivre.com.br/viagem-livre/coronavirus-italia-decreta-quarentena-e-restringe-viagens-pelo-pais/. Acesso em 12 de maio de 2020.


Paola Frizero

Formada em Turismo pela UFJF, com ênfase em patrimônio cultural e bacharela em Ciências Humanas. Pós-graduada em Gestão Cultural, obtive experiências profissionais principalmente em educação patrimonial e hoje, além de atuar também no TRADE turístico, sou mestranda na Universidade de Évora – Portugal, em Turismo e Desenvolvimento de Destinos e Produtos.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: